Conheça dicas importantes de como economizar durante a retomada das atividades

Veja como economizar nas contas essenciais e garantir mais sustentabilidade para moradores e condomínio durante a retomada!

Apesar das medidas de flexibilização adotadas pela prefeitura de São Paulo, ainda existem regras a serem seguidas pela população. Diante deste cenário, é imprescindível adotar alguns cuidados para não termos um retrocesso na reabertura das atividades da capital. O principal deles é o isolamento social que, mesmo com abertura das atividades, felizmente, continua estável, ou seja, não alterou de maneira significativa os índices de isolamento social.

Mas como economizar quando o isolamento social ainda se mantém, grande parte das escolas não tem data para voltar às aulas presenciais e várias empresas estão adotando o home office como modelo definitivo de trabalho?

A questão é que a presença de mais pessoas em casa por mais tempo não precisa, necessariamente significar mais gastos. Pelo contrário, essa pode ser uma boa oportunidade para o síndico inserir uma mudança de hábitos – que inclui exemplos no próprio condomínio.

Quer saber como ajudar os condôminos e ainda dar mais sustentabilidade à administração condominial? Então, fique antenado com essas dicas de como economizar durante a retomada das atividades!

Como economizar energia elétrica durante a retomada 

Em épocas de incertezas, economizar é essencial. Além de uma boa medida para o bolso, o consumo consciente também faz bem ao planeta e colabora para a sustentabilidade do condomínio.

O síndico pode começar sugerindo algumas ações simples através de reuniões pelo WhatsApp, cartilhas digitais, cartazes nos elevadores e áreas comuns ou mesmo convocando uma assembleia digital extraordinária. Confira algumas dicas de economia abaixo:

Incentive o consumo de energia elétrica durante a Bandeira Branca 

A Tarifa Branca é uma modalidade tarifária criada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) que mostra ao cliente a variação com o valor cobrado, conforme o dia e horário do consumo.

A adesão à Bandeira Branca pode ser uma das melhores formas de economizar energia elétrica para os condôminos que tenham grande parte do seu consumo concentrado nos períodos fora do pico, o que vem sendo comum na atual fase, ou que possam adequar o consumo para horários e dias estipulados pela ENEL.

Basta uma pequena mudança de hábitos para lavar e passar roupa, por exemplo, fora dos horários de pico da distribuidora de energia – e economizar consideravelmente na conta de luz.

Troque as lâmpadas antigas por LED 

  • A substituição das antigas lâmpadas incandescentes, halógenas (dicroicas, por exemplo) e fluorescentes compactas por LED já é uma realidade em muitos locais, mas ainda há muitos moradores que insistem nos modelos antigos.

Além de sustentáveis, por não conterem mercúrio em sua composição, as lâmpadas de LED significam uma economia de até 80%, já que são produzidas em diodo.

Mantenha os ambientes bem claros e arejados 

  • Para quem quer saber como economizar energia elétrica, a luz natural é uma grande aliada. A ideia é trocar cortinas grossas e venezianas por estruturas mais finas ou mantê-las abertas a maior parte do dia, deixando a luz do sol entrar. Além de gratuita, também é mais saudável.

Tire equipamentos elétricos da tomada 

  • A luzinha vermelha dos equipamentos ligados na tomada em stand by podem significar um gasto de até 12% a mais no consumo de energia. O ideal é retirar tudo o que não é utilizado com muita frequência;
  • O mesmo vale para celulares e computadores. Nada de deixá-los ligados carregando sem necessidade, depois da carga já estar completa.

Como economizar água?

Há várias formas simples de economizar água – e muitas delas acabam significando também economia no consumo de energia. Veja algumas:

Banheiro

 Um adulto precisa de apenas cinco minutos em média para tomar um banho eficiente. Mais do que isso é puro desperdício – de água e energia elétrica. No caso dos chuveiros elétricos, ou de gás, se houver aquecedor, regule a temperatura de modo a usar apenas a água quente;

  • A torneira pode ficar fechada ao escovar os dentes. Deixe a água fluir apenas para lavar a boca e a escova;
  • Não usar a descarga do banheiro como lixeira e, se possível, instalar descarga com duplo acionamento.

Cozinha e área de serviço 

  • Plantas podem ser regadas com regador duas vezes por dia, em vez de mangueira uma vez ao dia;
  • Coloque o nível certo da água na máquina, de acordo com a quantidade de roupa e a use em sua capacidade máxima sempre que possível;
  • A torneira deve permanecer fechada enquanto a louça é ensaboada.

 Como economizar gás?

Chamas alaranjadas ou amarelas significam que o bocal está desajustado, consumindo gás em excesso;

Não deixe a água ferver por tempo excessivo sem necessidade;

  • Panelas fechadas cozinham mais rápido e economizam gás;
  • Evite deixar o aquecedor de gás ligado sem necessidade.

 Dê o exemplo de como economizar com ações no condomínio!

A maioria das medidas de como economizar energia, água e gás são mudanças de hábitos que o síndico também pode adaptar para dar mais sustentabilidade ao condomínio.

  • Procure mudar o sistema de cobrança da água, se no seu condomínio a medição do consumo não é individualizada. A estimativa é que a economia chegue a 35% quando cada morador paga sua própria conta. Em um condomínio, a conta de água pode chegar a 15% dos gastos totais, mas é muito mais difícil combater o desperdício quando o morador não sente no bolso a diferença entre gastar e poupar;
  • Nos de dias de hoje, é crescente a tendência de os síndicos buscarem apoio de profissionais especialistas para fazerem avaliações, por exemplo, sobre o consumo de água do condomínio, bem como sobre as possibilidades de reuso, captação e racionalização dos recursos hídricos nas áreas comuns e internas da edificação. Dessa forma, o condomínio tem a possibilidade de gerenciar, sem custo adicional, com mais eficácia seus consumos de água e energia com soluções oferecidas por empresas especializadas, que são parceiras da Habitacional;
  • A limpeza de áreas comuns que estão fechadas por causa da pandemia não precisa ser tão frequente quanto em outros locais. Mantenha as medidas sanitárias e de higienes necessárias para evitar a contaminação pelo novo coronavírus, mas fique atento ao desperdício de água e de luz em locais onde o acesso está proibido;
  • Coloque luz de minuto e sensores de presença em partes do condomínio que estão sendo pouco utilizadas ou que têm pouco movimento à noite, principalmente, com maior quantidade de pessoas em casa por causa do distanciamento social;
  • Redirecione os recursos do condomínio para os itens essenciais. Pequenas mudanças, gastos com decoração e medidas supérfluas devem esperar até o retorno da normalidade;
  • Divulgue as medidas que estão sendo implantadas na organização do condomínio e incentive o consumo consciente também entre os moradores;
  • Abra um bom canal de comunicação e se disponha a prestar informações a todos que quiserem saber como economizar durante essa retomada de atividades.

Todos juntos, mesmo a distância, têm muito mais a possibilidade de superar as dificuldades deste momento de crise.

Esse conteúdo foi útil para você? Aproveite e venha conferir a área especial criada pela Habitacional para tirar todas as dúvidas sobre como seu condomínio pode encarar a pandemia!

Deixe seu comentário

Fique por dentro

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades.

Scroll Up

2ª VIA DE BOLETO

Selecione abaixo seu boleto

logotipo sob-medida

Por que gastar mais com serviços que você não usa?
A HABITACIONAL possui um pacote feito SOB MEDIDA para se condomínio.

Solicite uma proposta

** Região de atuação: SP - capital.
* Campo obrigatório

2ª VIA DE BOLETO CONDOMÍNIO

2ª VIA DE BOLETO ALUGUEL